Crime homofóbico em Bayeux [1]

Corpo de travesti é encontrado ao lado da prefeitura de Bayeux!

No dia 30 de abril um travesti identificado como “Ninete” foi enforcado e jogado ao lado da prefeitura de Bayeux. O soldado E.D. Wilson, da 2ª Cia, informou que o travesti morava na Ilha do Bispo, cidade de João Pessoa. A polícia não tem suspeita de quem são os criminosos, mas a sociedade bayeuxense sabe que a motivação do crime foi homofobia!

Alguns noticiários de Bayeux preferem destacar os crimes cometidos por pouquíssimos homossexuais que, independente da orientação sexual, estão sujeitos a desigualdade social e as mesmas ações dos criminosos heterossexuais; porém ao cometerem qualquer crime, sua sexualidade é exposta imediatamente pela imprensa incitando a população a  aversão e discriminação da homossexualidade. O leitor há de convir que nos programas policiais de TVs exibidos diariamente nas emissoras paraibanas, dificilmente exibem notícias de crimes cometidos por homens e/ou mulheres revelando ao público sua sexualidade [heterossexualidade]. Então por que exibir matérias com títulos como “casal homossexual é preso por assalto”?

O Oráculo de Bayeux está atento a estes crimes homofóbicos  e ao preconceito incitado por muitos através da mídia.

Fonte: [Clique aqui!]

Sobre Oráculo

Acesse o site para saber mais sobre o Oráculo de Bayeux!
Esse post foi publicado em Inclusão Social e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Obrigado por participar do nosso site com o seu comentário. Breve responderemos!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s