Não critiques para não seres criticado!

 Para os bayeuxense que estão acompanhando a novela da Rede Globo “Avenida Brasil”, uma personagem está dando o que falar no meio evangélico. A Dolores – conhecida também como Soninha Catatau –  vivida pela atriz Paula Burlamaqui, tirou a roupa no escritório do ex marido Diógenes, interpretado por Otávio Augusto, com o qual não tinha qualquer relacionamento, para dizer que não estaria mais em pecado. A cena considerada por muitos cristãos na internet como surreal e absurda foi exibida no horário nobre da TV brasileira no capítulo desta sexta-feira, primeiro de junho de 2012. Confira  a cena:

Imediatamente começaram as campanhas evangélicas de “perseguição” a Rede Globo de televisão. Líderes e políticos de destaques no meio evangélico a exemplo da futura ex-psicóloga cristã Marisa Lobo – que também se denomina “pastora” – logo postaram em seus twitters  incitando a revolta dos fiéis seguidores evangélicos a reagirem e enviarem e-mails de protestos à Rede Globo.

Para esses que adoram criticar homossexuais em suas pregações, a cena de Dolores tirando a roupa para o ex-marido e usando a frase: “tá amarrado em nome de Jesus”, a novela está ridicularizando a mulher cristã evangélica. Foi o que afirmou a Marisa Lobo em sua Time Line. Porém, atentem para a contradição em que esses líderes evangélicos caem quando criticam comportamentos de outras pessoas e não aceitam críticas aos seus:

Chamo a atenção do leitor para a descrição na página do twitter do senhor Josué Gomes, o qual afirmou ser o “melhor” crítico de gays:

Confira o termo usado pelo “pastor” ao referir-se aos homossexuais:

Não quero deixar subentendido aqui que religiosos de qualquer seguimento devem ser criticados, mas também não concordamos com o movimento teocrático que está sendo implantado em nosso país através destes políticos da bancada evangélica em que só gays devem ser criticados, julgados e condenados a um inferno.

Isto nos faz lembrar de uma antigo ditado que nossos pais e avós já conheciam: “Faça o que eu mando, mas não faça o que eu faço!”

O Oráculo de Bayeux está de olhos abertos e enxerga além do alcance!

Para saber mais sobre críticas de religiosos aos gays: [Clique aqui!]

Sobre Oráculo

Acesse o site para saber mais sobre o Oráculo de Bayeux!
Esse post foi publicado em Religião! e marcado , , , , , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

Obrigado por participar do nosso site com o seu comentário. Breve responderemos!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s